7 de fev de 2014

Eles chegaram lá em 1964 e disseram: perdeu, Tio Sam! Aha! Uhu! A América é nossa! 

It was 50 years ago today. Em 7 de fevereiro de 1964, os Beatles desembarcavam em Nova York, nos Estados Unidos para conquistar o mundo. A viagem de 15 dias previa duas aparições ao vivo na TV (nos dias 9, direto de Nova York, e 16, direto de Miami), uma aparição gravada, no dia 23, e dois shows em solo norte-americano (em Washington e Nova York) e foi arquitetada por Brian Epstein, empresário da banda, após alguns meses de insistência, ciente da importância estratégica de uma agenda de divulgação bem-sucedida nos Estados Unidos.

Do sucesso na "América" para o sucesso mundial era menos que um passo. Afinal, tratava-se da terra do showbiz e do centro irradiador de cultura de massa - se ainda hoje os Estados Unidos têm um peso definidor no que se consome no mercado da música, mesmo com o poder que cenas e mercados locais ganharam com a internet, pense há 50 anos, quando o país vivia o seu auge de nação imperialista após sair vitorioso da Segunda Guerra.

O sucesso da viagem já estava no papo. "I Wanna Hold Your Hand" havia atingido o número 1 da parada norte-americana dias antes da chegada da banda ao país e... Eram os Beatles, né? Mas era necessário ainda detonar a bomba-relógio da beatlemania latente nos Estados Unidos que contava os dias para explodir.
Quem fez as honras foi Ed Sullivan, que em seu famoso programa de TV apresentou os quatro rapazes para 74 milhões de americanos no dia 9 de fevereiro. "All My Loving", "Till There Was You", "She Loves You", "I Saw Her Standing There" e "I Want To Hold Your Hand". Cinco músicas. 5, 4, 3, 2, 1... Boooommmm!

Emblemática, a apresentação televisiva daquela noite converteu-se em um marco na história da banda e da cultura pop do século XX. Já não se conseguiria mais falar da música e do comportamento jovem que se desenvolveria nas décadas seguintes sem remeter àqueles quatro moços com cabelinho de tigela. Mas acho que disso você já sabe. O que você não deve saber é que*:

1) Brian Epstein ficou tão embasbacado ao receber o telegrama que confirmava a ida da banda aos Estados Unidos que sentou-se à mesa de jantar usando um penico na cabeça. Ele e a banda estavam em Paris, na França

2) John teve um enjoo durante o voo da Pan Am que levou a banda aos Estados Unidos

3) Havia dois homens chamados George Harrison no voo que saiu de Londres: aquele que você sabe quem é e um colunista do jornal Liverpool Echo, integrante da comitiva que acompanhava a banda

4) George (o beatle) estava gripado e teve 39º de febre

5) Próximo do pouso, os Beatles ouviram o seguinte anúncio vindo da tripulação: "O comandante pediu que transmitíssemos a seguinte mensagem: 'Avisem aos rapazes que há uma enorme multidão esperando por eles'

6) "É isso aí, pessoal! Todo mundo, calem a boca!". LENNON, John ou o que ficou sendo as primeiras palavras de um beatle em solo americano. John se dirigia aos jornalistas que aguardavam a banda para uma entrevista coletiva no aeroporto JFK

7) Para escapar das milhares de fãs que cercavam a banda no aeroporto, cada beatle foi erguido por dois policiais e colocado em seu próprio Cadillac que seguiria direto para o hotel

8) No hotel, durante toda a noite, a banda passou o tempo ligando para rádios locais e pedindo que as emissoras tocassem músicas das Ronettes, de Marvin Gaye e Smokey Robinson

9) Em um jantar no famoso restaurante 21, Ringo pediu que lhe fosse servida "uma garrafa antiga de Coca-Cola"

10) Já no camarim do programa de Ed Sullivan, Paul se deparou com uma pilha de cartas endereçadas à banda. Dentre elas, um telegrama de Elvis: "Parabéns pela participação no Ed Sullivan Show e por sua visita aos Estados Unidos. Esperamos que sua participação seja bem-sucedida e que sua visita seja agradável. Mandem nossas lembranças ao Ed Sullivan. Ass. Elvis e o Coronel"

11) O microfone de John praticamente não funcionou na primeira apresentação no Ed Sullivan, na noite do dia 9

12) O importante maestro Leonard Bernstein, que levou as filhas nos bastidores do Ed Sullivan, não foi reconhecido pelos Beatles

13) Na viagem de trem de Nova York para Washington, onde os Beatles fariam seu primeiro show nos Estados Unidos, Ringo pegou uma vassoura para varrer os vagões do trem. A locomotiva estava em mau estado de conservação e foi uma solução de última hora - a viagem seria de avião, mas uma tempestade de neve fez a produção da banda mudar de ideia

14) Em uma festa na embaixada britânica, Ringo teve um chumaço de cabelo cortado por uma fã que portava uma tesoura de unha na bolsa

15) Para despistar os fãs em Miami, os Beatles deixaram o hotel na traseira de um caminhão frigorífico

*Extraído dos livros: "The Beatles - A Biografia", de Bob Spitz, e "Magical Mystery Tours - Minha Vida Com os Beatles", de Tony Bramwell

Ladies and gentleman, The Beatles. Ame.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.