5 de set de 2012

John Cage foi nascer no quinto dia de setembro, o mesmo em que anos depois nasceria Fred Mercury. Números redondos são mais atraentes para se comemorar efemérides, mas sabemos que o pop também tem mais apelo que vanguardas - principalmente quando a internet se alimenta de números de cliques e temos um Angry Bird deliciosamente caracterizado como vocalista do Queen.

Por isso mesmo, no dia em que Jonhn Cage completaria 100 anos, as lembranças ficaram praticamente todas para os 66 anos que Fred Mercury teria hoje se estivesse entre nós. Nem todo mundo deixou passar batido o centenário de Cage, e o Pitchfork, que me lembrou da data, fez uma seleção de vídeos em que ele toca e fala sobre sua música, vanguarda da vanguarda praticamente oito décadas depois desde o início de seus trabalhos.

Da seleção do Pitchfork, fico com um trecho da primeira aparição do compositor na TV americana, em 1960. Em uma sociedade recém-escandalizada pelo rebolado de Elvis e o motim jovem do rock, o riso nervoso, de desconcerto, deboche ou incompreensão, foi a única reação esboçada diante da obra de Cage. Era novidade demais para um mundo que não imaginava quantas mudanças ainda estavam por vir em tão pouco tempo.


0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.