24 de mar de 2014

Azul é a cor mais quente
Dia 13 de maio o Black Keys dará à luz "Turn Blue", sucessor de "El Camino", aquele disco de 2011 que, com o impulso dado anteriormente por "Brothers", tirou a banda das profundezas do blues-rock sujinho e a colocou nas graças do mundo indie. Como aperitivo para saciar a fome de três anos de espera, o duo divulgou hoje o primeiro single do disco, "Fever". A novidade vem logo depois de uma semana em que a banda soltou teasers mezzo-enigmáticos, mezzo-engraçadinhos do novo álbum. Juntando as pistas oferecidas até agora, a gente pensa assim sobre a volta do Black Keys:

1) "Fever", o novo single, coloca a banda ainda mais distante das referências de blues, que eram fortes nos primeiros discos, mas foram se desmanchando nos trabalhos mais recentes.



2) Uma atmosfera kitsch-hipnótica-psicodélica permeia o disco. Ou a banda está apenas de zueira com a gente.



3) "Blue", com todos os vários significados que a palavra tem em inglês, pode ser um norte para as composiões do disco. Ou não. Pode ser só zueira do Patrick, que postou essas fotos no seu perfil do Instagram.



0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.