2 de mar de 2011

É com os sussurros de Jane Birkin em "Je t'aime, moi non plus" que Serge Gainsbourg habita o imaginário de muita gente. Mas o cantor francês, cuja morte completa hoje 20 anos, "causou" muito mais do que simplesmente incluir o orgasmo da esposa (Jane) na música escrita para a amante (Brigitte Bardot).

Com uma versão em ritmo de reggae do hino francês, a famosa Marselhesa, motivou uma campanha que queria expulsá-lo de seu país.



Com a música "Les Sucettes" (Pirulitos), colocou a então jovenzinha cantora France Gall para cantar versos de duplo sentido que aludiam ao sexo oral, sem que a garota de 18 anos compreendesse a ambiguidade da letra - pelo menos é o que reza a lenda. Acredite quem quiser (neste link há uma versão escancaradamente sugestiva do clipe feito para a música. Sabe-se la por qual motivo, todos os vídeos dessa versão estão com a função de incorporação desativada).


Les Sucettes - Serge Gainsbourg & France Gall from alex mcgrorty on Vimeo.
Por ocasião das duas décadas de morte do cantor, o Le Monde fez uma seleção com algumas de suas músicas, dando a oportunidade de conhecer um pouco do universo nada conservador de Gainsbourg. Vá .

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.